As Atividades Complementares consistem na participação em eventos, tais como: seminários, palestras, semanas acadêmicas, conferências, atividades culturais, atividades de iniciação científica.

Reflexão da estrutura, objetivos institucionais e do fazer profissional. Leitura da implementação das Políticas Sociais nas organizações institucionais Formulação de estudo/diagnóstico para elaboração de propostas de intervenção.Planejamento das atividades do Estágio Supervisionado I.

Base histórico-conceitual sobre movimentos sociais: conceitos clássicos e contemporâneos sobre movimentos sociais. Trabalho social com comunidades: potencial político do empoderamento na perspectiva do controle social de políticas públicas. Manifestações da questão social. Os sujeitos sociais e suas lutas nos espaços rural e urbano. Dimensão pedagógica e estratégias de educação popular no Serviço Social e sua interlocução com os movimentos sociais.

Estudos avançados sobre as políticas que compõem a seguridade social brasileira pós Constituição de 1988. Os Conselhos Setoriais. Formas e possibilidades de atuação do Assistente Social.